top of page

Blog

Tecnologia Assistiva: Não é luxo, é direito para inclusão acontecer de verdade.


Descrição da imagem Mãos de um mulher em foco com o celular na mão esquerda e um Notebook na mesa.


Você já ouviu falar da história do alpinista que decidiu escalar uma montanha sem equipamentos de segurança? Ele subiu, pedra por pedra, sem cordas, sem capacete, sem nada que pudesse ajudá-lo em caso de queda. Parece uma loucura, não é mesmo? E de fato é. Assim como seria uma loucura pensar em inclusão e acessibilidade sem a ajuda das tecnologias assistivas para pessoas com deficiência.


Tecnologias assistivas são equipamentos, recursos, dispositivos, softwares e serviços que auxiliam pessoas com deficiência a superarem as barreiras impostas pelo ambiente físico, social e comunicativo. Essas tecnologias podem ser comparadas aos equipamentos que um alpinista usa para escalar uma montanha, como cordas, mosquetões, capacetes e roupas especiais. Assim como esses equipamentos são fundamentais para a segurança e sucesso da escalada, as tecnologias assistivas são fundamentais para a inclusão e acessibilidade das pessoas com deficiência.

As tecnologias assistivas são essenciais para que as pessoas com deficiência possam desfrutar de uma vida plena e inclusiva. Elas são capazes de nivelar as condições de acessibilidade, permitindo que todos tenham as mesmas oportunidades e possam participar plenamente da sociedade.

É importante destacar que cada pessoa com deficiência tem necessidades diferentes e, portanto, é fundamental conhecer os níveis de deficiência para poder aplicar as tecnologias assistivas mais adequadas. Além disso, as tecnologias assistivas devem ser desenvolvidas levando em consideração as particularidades de cada deficiência, como a funcionalidade do corpo, as limitações físicas, cognitivas e sensoriais, dentre outras.

Para criar e desenvolver tecnologias assistivas eficientes é necessário contar com uma equipe multidisciplinar, que envolve profissionais como engenheiros, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais, dentre outros. É a partir dessa união de conhecimentos que surgem soluções criativas e eficientes, que garantem autonomia e independência às pessoas com deficiência.

No caso da deficiência visual, algumas das tecnologias assistivas mais utilizadas são: leitores de tela, que transformam o texto em áudio; lupas eletrônicas, que ampliam as imagens; bengalas inteligentes, que emitem sinais sonoros para orientar o usuário; e softwares de reconhecimento de voz, que permitem o controle do computador sem a necessidade de teclado ou mouse.

É importante destacar que, assim como o alpinista que decide escalar a montanha sem equipamentos de segurança, as pessoas que não utilizam as tecnologias assistivas para pessoas com deficiência estão se colocando em uma situação de risco e exclusão. Por outro lado, aqueles que investem em tecnologias assistivas estão construindo um mundo mais inclusivo, acessível e justo para todos.

Parafraseando o famoso escritor inglês, William Arthur Ward, as tecnologias assistivas são a luz que brilha nas trevas da deficiência, iluminando o caminho da inclusão e da acessibilidade. É hora de abraçar essa luz e construir um futuro melhor para todos.


Não podemos mais fechar os olhos para a importância das tecnologias assistivas na vida das pessoas com deficiência. Elas são capazes de abrir portas, eliminar barreiras e proporcionar oportunidades que antes pareciam impossíveis. É hora de reconhecer o valor dessas tecnologias e investir em sua pesquisa, desenvolvimento e distribuição.

A sociedade como um todo tem muito a ganhar com a inclusão e acessibilidade, tanto do ponto de vista humano quanto econômico. Empresas, espaços públicos e organizações que investem em tecnologias assistivas estão construindo uma imagem positiva e valorizando a diversidade, além de estarem cumprindo com suas obrigações legais de inclusão. Por isso, não podemos mais nos contentar em viver em um mundo onde a acessibilidade é apenas uma palavra vazia, sem ações concretas.


Precisamos reconhecer que a inclusão é um direito humano básico e que as tecnologias assistivas são ferramentas essenciais para garantir esse direito. Devemos encarar as tecnologias assistivas como aliadas, capazes de fortalecer a inclusão e a diversidade em nossas vidas e em nossas sociedades.


E, assim como o alpinista que decide escalar a montanha equipado com todos os equipamentos de segurança necessários, devemos nos equipar com as tecnologias assistivas para construir um mundo mais justo, inclusivo e acessível para todos.


Podemos dizer que um mundo inclusivo e acessível só é possível com o uso das tecnologias assistivas, para que possamos ter uma sociedade com "mente inclusiva em ambiente acessível". Portanto, em vamos conhecer e investir tecnologias assistivas e alcancemos juntos a plena inclusão e acessibilidade para todos.

Komentarai


Blog

bottom of page